Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Secretária do idoso em busca de verbas para esportes em Brasília

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Reprodução.
Desenho mostra os equipamentos esportivos na Cidade do Idoso.

Segunda, 11/6/2018 15:12.

A secretária da Pessoa Idosa, Christina Barichello, está em Brasília para buscar recursos no Ministério dos Esportes, para o projeto de construção de uma piscina olímpica e uma quadra polivalente no Bairro dos Municipios.

“Preciso sensibilizar e mostrar a importância deste projeto para conseguir os recursos”, disse a secretária que busca obter R$ 1,2 milhões. 

A ideia é construir a Cidade do Idoso no terreno onde hoje está a casa da Sogra e onde funciona o Núcleo de Atenção ao Idoso. Segundo a secretária ali existem mais dois terrenos que seriam agrupados.

“Queremos fazer uma pista para caminhada, uma ciclovia, cancha de bocha, uma academia, ali perto já tem um campo de futebol, e agora em Brasília queremos recursos para uma quadra de esportes e uma piscina olímpica, como se fosse uma vila esportiva”, disse.

Frente Parlamentar

Christina Barichello também representará o prefeito Fabrício Oliveira no lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Pessoa Idosa, nesta terça-feira (12), na Câmara dos Deputados.

A Frente, iniciativa do deputado federal Roberto de Lucena, reúne 236 deputados e seis senadores e tem o objetivo de lutar pelo envelhecimento ativo e saudável da população idosa brasileira.

Em menos de 100 anos, o número de idosos passou de 1,7 milhão para 30 milhões, no ano de 2017, conforme dados do IBGE. Desses, mais de um terço daqueles acima de 60 anos que já estão aposentados no Brasil continuam trabalhando. Considerando os aposentados que têm entre 60 e 70 anos, o percentual é de 42,3%. A maioria continua trabalhando porque a aposentadoria não é suficiente para manter a vida que levavam enquanto trabalhavam. E muitos ajudam no sustento de filhos e netos.

“Balneário Camboriú foi convidada para participar do lançamento, porque hoje é considerada uma cidade referência no cuidado ao idoso”, disse Christina.

Direitos Humanos

Nesta terça-feira Christina também se reunirá com Márcia Gebara, coordenadora geral de política de envelhecimento ativo e saudável da Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa do Ministério dos Direitos Humanos.

“Ela quer conhecer mais sobre alguns projetos que desenvolvemos em Balneário Camboriú, para repassar para outras regiões do país, porque o número de idosos está crescendo demais e a maioria das cidades não está preparada para lidar com o assunto. Então eles estão fazendo capacitações por todo o país e querem apresentar exemplos que estão dando certo”, afirmou Christina.  


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Saúde

Objetivo é investir em prevenção e desafogar o Posto Central


Empregos

Salários chegam a R$ 22 mil


Geral

Elcio Rogério Kuhnen prestou contas da sua administração


Cidade

Jornal Página 3 prepara material especial para a data


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade