Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Prefeitura reunirá Celesc e operadoras para resolver o descaso com fiação elétrica em Balneário Camboriú

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Marlise Schneider Cezar/Página 3

Quinta, 17/5/2018 11:42.

Para organizar a bagunça na fiação dos postes de iluminação pública, a prefeitura convocou uma reunião com a Celesc e as 11 operadoras de telefonia, internet e TV a Cabo, para pedir que cada um faça a sua parte e assim acabe com um problema que vem prejudicando o visual da cidade e a segurança dos cidadãos.

A reunião vai acontecer nesta sexta-feira (18), às 14h, na Secretaria da Fazenda, sob comando da COSIP (Contribuição para Custeio de Serviço de Iluminação Pública).

O gestor da pasta Anderson dos Santos e o diretor de fiscalização de Obras e Posturas, da secretaria do Planejamento Samir Dawud apresentarão imagens dos emaranhados de fios e o que a prefeitura pretende fazer para acabar com o problema: um programa de regularização, espécie de força-tarefa, para o qual serão convocados todos envolvidos (cada empresa e a Celesc terão um representante na equipe).

“Ano passado fizemos esse serviço no Calçadão da Central. Daqueles 500 metros tiramos mais de 10 mil metros de fios em desuso”, contou Anderson.

Com base nessa experiência, ele imagina que 40% ou mais da fiação do municipio esteja inativa.

“Estamos lidando com um problema que prejudica muito o visual da cidade e que também é perigoso. As pessoas têm reclamado muito e com razão”, acrescentou.

Se cada empresa fizesse o seu trabalho como deveria ser, a prefeitura não precisaria se envolver e muito menos fiscalizar.

“Mas enquanto isso não acontece, vamos exigir a participação de todos nessa força-tarefa e depois disso a fiscalização estará atenta e quem não estiver trabalhando conforme o manual do procedimento será cortado. Isso até poderá prejudicar o consumidor, mas acreditamos que nenhuma operadora deixará que isso aconteça e o que a prefeitura quer é regularizar e resolver esse problema”, finalizou.

As primeiras vias a receberem a ação vão ser as avenidas Atlântica, Brasil, Terceira e Quarta. Posteriormente, o trabalho será expandido para outras ruas. Na ação, as empresas terão de corrigir fios que estão fora de local e eliminar cabos que não estão sendo usados.

Informações: COSIP (47) 3361-7816


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Saúde

Objetivo é investir em prevenção e desafogar o Posto Central


Empregos

Salários chegam a R$ 22 mil


Geral

Elcio Rogério Kuhnen prestou contas da sua administração


Cidade

Jornal Página 3 prepara material especial para a data


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade