Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Ronaldinho Gaúcho se filia ao PRB e deve ser candidato em 2018
EBC.

Quarta, 21/3/2018 9:02.

(FOLHAPRESS) - O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho se filiou nesta terça-feira (20) ao PRB, em Brasília. Ele deve ser candidato a senador ou deputado federal pelo partido nas eleições de 2018.

A carreira futebolística de Ronaldinho, eleito o melhor do mundo pela Fifa em 2004 e 2005, foi central durante a cerimônia de filiação.

Ao anunciar o jogador, o mestre de cerimônias listou os feitos do atacante, mas não citou a passagem por clubes brasileiros -por aqui, Ronaldinho já vestiu a camisa do Grêmio, do Flamengo, do Atlético Mineiro e do Fluminense. A plateia não deixou barato, e ouviu-se o grito: "É flamenguista! Você esqueceu de falar que já foi do Flamengo, rapaz!"

"Eu não posso olhar para o Ronaldinho e não lembrar daquele gol de 2002 [no jogo contra a Inglaterra, na Copa do Mundo, o jogador selou a virada do Brasil com um gol de falta], pelo amor de Deus. Era a única chance, a última chance naquele jogo, e o homem me faz um gol daqueles", afirmou o senador Eduardo Lopes (RJ), presidente nacional em exercício da sigla.

O novo filiado, que oficializou a aposentadoria do futebol em janeiro de 2018, se candidatará pelo PRB do Distrito Federal.

"Ele tem uma experiência grande na área do esporte e quer defender essa bandeira no Congresso. É um nome muito querido, um jogador de expressão, já fez muito pelo esporte como jogador e espero que faça como político", afirmou o líder do partido na Câmara, Celso Russomanno (PRB-SP).

Segundo Russomanno, ainda não está definido se Ronaldinho será candidato ao Senado ou à Câmara. "Vamos iniciar tratativas e ver como ele se sente", disse.

Assis, o irmão e empresário do ex-jogador, também se filiou ao partido ligado à Igreja Universal. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Geral

20 são em uma rede de fast food Burguer King  


Justiça

Acusado diz que falará primeiro com seu advogado antes de se manifestar. Ele foi penalizado com advertência.


Cidade

Esta é uma das últimas etapas para obtenção da Bandeira Azul


Cidade

Lei municipal que favorecia os consumidores foi derrubada pelo Supremo 


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Ronaldinho Gaúcho se filia ao PRB e deve ser candidato em 2018

EBC.

(FOLHAPRESS) - O ex-jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho se filiou nesta terça-feira (20) ao PRB, em Brasília. Ele deve ser candidato a senador ou deputado federal pelo partido nas eleições de 2018.

A carreira futebolística de Ronaldinho, eleito o melhor do mundo pela Fifa em 2004 e 2005, foi central durante a cerimônia de filiação.

Ao anunciar o jogador, o mestre de cerimônias listou os feitos do atacante, mas não citou a passagem por clubes brasileiros -por aqui, Ronaldinho já vestiu a camisa do Grêmio, do Flamengo, do Atlético Mineiro e do Fluminense. A plateia não deixou barato, e ouviu-se o grito: "É flamenguista! Você esqueceu de falar que já foi do Flamengo, rapaz!"

"Eu não posso olhar para o Ronaldinho e não lembrar daquele gol de 2002 [no jogo contra a Inglaterra, na Copa do Mundo, o jogador selou a virada do Brasil com um gol de falta], pelo amor de Deus. Era a única chance, a última chance naquele jogo, e o homem me faz um gol daqueles", afirmou o senador Eduardo Lopes (RJ), presidente nacional em exercício da sigla.

O novo filiado, que oficializou a aposentadoria do futebol em janeiro de 2018, se candidatará pelo PRB do Distrito Federal.

"Ele tem uma experiência grande na área do esporte e quer defender essa bandeira no Congresso. É um nome muito querido, um jogador de expressão, já fez muito pelo esporte como jogador e espero que faça como político", afirmou o líder do partido na Câmara, Celso Russomanno (PRB-SP).

Segundo Russomanno, ainda não está definido se Ronaldinho será candidato ao Senado ou à Câmara. "Vamos iniciar tratativas e ver como ele se sente", disse.

Assis, o irmão e empresário do ex-jogador, também se filiou ao partido ligado à Igreja Universal. 

Publicidade

Publicidade