Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Projeto PSB Mulher passará por todos os bairros

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Terça, 6/3/2018 9:18.

Desenvolvido pela executiva do PSB Mulher de Balneário Camboriú, o projeto ‘PSB Mulher nos Bairros’ foi apresentado ao presidente do partido, o prefeito Fabrício Oliveira, na tarde do último domingo (4).

A presidente da executiva Michelle Rieger explicou que a finalidade é divulgar a militância para todas as mulheres de Balneário Camboriú e abrir espaço para quem quiser participar. A executiva é composta por 10 mulheres.

“Atualmente representamos mais de 50% do eleitorado brasileiro, mas na maioria das vezes não exercemos nossa participação como deveríamos. Por isso consideramos importante incentivar a participação feminina na política e o projeto em questão é uma forma de fazer isso”, colocou.

A intenção é passar por todos os bairros. O primeiro foi o Jardim Iate Clube e o próximo será a Barra, nesta quinta-feira (8), quando será oferecido um jantar especial para moradoras daquele bairro, pelo Dia Internacional da Mulher e haverá a palestra com o tema "Celebre quem você é", com Daiane Schneider, administradora e coach. As vagas já foram preenchidas.

“O projeto aborda desde políticas públicas a causas sociais e prevenção com a saúde da mulher. Na maioria das vezes levamos um palestrante. Entendemos que o projeto é uma forma de fortalecer as mulheres nas diversas esferas da sociedade, ganhando espaço e construindo um alicerce político, por meio de uma participação efetiva nos diferentes âmbitos da sociedade.

O projeto é estendido às moradoras de todos os bairros de Balneário Camboriú que queiram se engajar nesta militância”, convidou Michelle.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Geral

Primeiro prefeito eleito de Balneário Camboriú foi morto em quartel da ditadura 


Política

Alargamento da praia e centro de eventos estão na pauta 


Cidade

Prefeito manda construir viaduto em cruzamento com túnel da rua 3100


Cidade

Quase metade deles ligados à violência financeira  


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade