Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Tite adota critério diferente para ala esquerda, e Marcelo volta

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Heuler Andrey/DiaEsportivo/Folhapress
O zagueiro Miranda e o técnico Tite durante coletiva da seleção brasileira na Arena Kazan, em Kazan, nesta quinta-feira, 07. Amanhã a seleção enfrenta a equipe da Bélgica em partida válida pelas quartas de final da Copa do Mundo FIFA Rússia 2018.

Quinta, 5/7/2018 12:12.

CAMILA MATTOSO, DIEGO GARCIA, LUIZ COSENZO E SÉRGIO RANGEL / KAZAN, RÚSSIA (FOLHAPRESS)

O técnico Tite confirmou o time titular para o jogo contra a Bélgica nesta sexta-feira (6), a partir das 15h (de Brasíla) pelas quartas de final da Copa do Mundo.

O treinador vai promover a volta de Marcelo, recuperado de dores na coluna que o tiraram ainda no primeiro tempo do jogo contra a Sérvia.

"Conversei com Marcelo e Filipe Luís e vou reproduzir a conversa. Marcelo saiu por problema clínico, não voltou por problema físico, Filipe Luís jogou muito, competem os dois, deixa a cabeça do homem um trevo. E, por critério, volta o Marcelo", disse Tite.

A postura é diferente da adotada na ala direita. Danilo sentiu lesão no quadril após o jogo contra a Suíça e foi substituído por Fágner. Após a recuperação do antigo titular, Tite decidiu manter o lateral do Corinthians na equipe principal.

Na ocasião, a alegação do treinador foi que o substituto ganhou vaga pelo "desempenho" que teve. "Falei ao Danilo antes do treino de hoje o critério. Ele vinha jogando bem, ficou dois jogos fora, o Fagner entrou muito bem, permanece. Permanece pelo desempenho de alto nível em dois jogos decisivos", disse Tite.

Além de Marcelo, outra novidade será Fernandinho, que entra na vaga do suspenso Casemiro. O volante do Real Madrid recebeu cartões amarelos contra Suíça e México e, por regulamento, não pode agora enfrentar a Bélgica. Já no ataque, o técnico mantém Gabriel Jesus, centroavante titular que ainda não marcou nenhum gol na Copa do Mundo.

Firmino, o reserva, entrou no fim do jogo contra o México, pelas oitavas, e fez o segundo gol da vitória por 2 a 0. "A versatilidade do Gabriel nos permitiu ajustar a equipe, e todos os atletas têm sido decisivos. O Firmino é dessa forma. Há atletas com características diferentes e importâncias iguais, que em algum momento possam jogar", analisou Tite.

Para completar, o volante Paulinho havia treinado separado do restante do elenco nesta quarta (4) por dores sentidas após a vitória contra o México. Mesmo assim, está confirmado para enfrentar a Bélgica. "O Paulinho estava com menos condição física, saiu no último jogo porque tomou pancada e estava com dificuldade de movimentação", explicou o técnico, que confirmou a presença do meio-campista na partida. 

"Sendo específico nas possibilidades, Marquinhos pode jogar como primeiro meio-campista, já jogou assim comigo. Seu primeiro jogo no profissional foi contra o Palmeiras, como volante. Ele tem as ferramentas para jogar ali", acrescentou o técnico.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade