Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Santos vence Paraná com atuação segura e ganha alívio no Brasileiro

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Segunda, 14/5/2018 7:00.

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Com uma atuação segura diante de sua torcida, o Santos venceu o Paraná por 3 a 1, neste domingo (13), em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O time alvinegro vinha de derrota por 5 a 1 para o Grêmio no final de semana anterior.

A equipe santista criou pouco na etapa inicial, mas soube aproveitar as oportunidades no segundo tempo da partida na Vila Belmiro.

Revelado pelas categorias de base santistas, Rodrygo, 17, abriu o placar no primeiro minuto da etapa final.

O segundo gol santista veio aos 13min, com Gabigol. Após cruzamento de Victor Ferraz, Eduardo Sasha ajeitou de cabeça, e o camisa 10 finalizou para o gol.

Gabriel ainda marcou o terceiro, com assistência de Arthur Gomes.

No final, o Paraná descontou com Silvinho.

O próximo compromisso do Santos é na quarta-feira (16), quando visita o Luverdense, em Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso, pela partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

A equipe alvinegra venceu o primeiro confronto com folga, por 5 a 1. Pelo Brasileiro, o Santos tem clássico contra o São Paulo, no Morumbi, no próximo domingo (20).

O Paraná, por sua vez, só volta a campo pela sexta rodada do Nacional, daqui a uma semana, para receber o Grêmio, às 16h (horário de Brasília), em Curitiba.

SANTOS
Vanderlei; Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo, Dodô; Alisson (Vecchio), Jean Mota, Victor Bueno (Diego Pituca); Gabriel, Sasha e Rodrygo (Arthur Gomes). T.: Jair Ventura

PARANÁ
David; Alemão, Jesiel, Rayan, Igor (Júnior); Torito (Alex Santana), Wesley Dias, Caio Henrique; Léo Itaperuna (Vitor Feijão), Silvinho e Carlos. T.: Rogério Micale.

Estádio: Vila Belmiro, Santos (SP)
Público: 3.971 pessoas
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Cartões amarelos: Torito (PAR); Gabriel (SAN)
Gols: Rodrygo (SAN), aos 2min, Gabriel (SAN), aos 13min e aos 31min, e Silvinho (PAR), aos 47min do segundo tempo 

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade