Jornal Página 3

Fachin nega pedido de habeas corpus de Lula e envia caso ao plenário do STF
Arquivo Página 3/Folhapress.

Sexta, 9/2/2018 17:46.

LETÍCIA CASADO
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), decidiu nesta sexta-feira (9) enviar o pedido de habeas corpus feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao plenário da corte, após negar a solicitação.

A defesa do petista quer evitar uma eventual prisão em razão da condenação em segunda instância no caso do tríplex do Guarujá.

Fachin negou a solicitação em caráter liminar para evitar a prisão, mas remeteu o mérito ao pleno.

"Remeto, pois, o presente Habeas Corpus à deliberação do Plenário, liberando de imediato o feito para inclusão em pauta (letra i do inciso I do art. 102 da Constituição da República, e os artigos 6º, II, c , 21, XI, e 22, § único, b, do Regimento Interno deste STF), em dia para julgamento a ser designado pela Presidência (CPC, art. 934; RISTF, art. 13, III)", informa a decisão.

Caberá à presidente Cármen Lúcia marcar a data do julgamento.

CONDENAÇÃO

Em 24 de janeiro, Lula foi condenado por lavagem de dinheiro e corrupção passiva em segunda instância, pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região). Ele já havia sido condenado pelo juiz Sergio Moro, do Paraná.

No fim do mês, a defesa recorreu ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) com um pedido de habeas corpus preventivo para afastar a possibilidade de antecipação de cumprimento da pena de 12 anos e um mês de prisão em regime fechado.

No entanto, o pedido foi negado pelo vice-presidente do STJ, ministro Humberto Martins.

A defesa recorreu contra essa decisão. O habeas corpus foi encaminhado ao ministro Fachin, que tem negado liberdade provisória a condenados na operação.

Nos bastidores do STF a avaliação é que as chances de Lula são maiores no STF do que no STJ justamente por causa do posicionamento dos ministros em relação à prisão após condenação em segunda instância. 


Publicidade


Colunistas
Policia

Batida policial aconteceu em edifício de luxo na Avenida Atlântica


Geral

Os dois faleceram praticamente na mesma hora


Seu Dinheiro

Reajuste de 3,9% corresponde à inflação dos últimos 12 mses


Cidade

O clima esquentou e os promotores da reunião preferiram cancelá-la.  


Esportes

Veja quem pode participar


Policia

Vítima deve ser transferida para outro hospital


Educação

Eleição apertada conduz mestre e doutor em química à direção daquela universidade  


Policia

Jovem de 23 anos perdeu a vida