Jornal Página 3

Maior astro do rock francês, cantor Johnny Hallyday morre aos 74 anos
Reprodução.

Quarta, 6/12/2017 8:20.

(FOLHAPRESS) - Considerado por muitos o maior roqueiro da França, Johnny Hallyday morreu aos 74 anos nesta quarta-feira (6). O cantor enfrentava um câncer no pulmão.

Em declaração, sua mulher Laeticia Hallyday disse que "ele nos deixou hoje como viveu toda sua vida, com coragem e dignidade".

Hallyday tinha forte presença de palco inspirada em Elvis Presley e um estilo musical com influências de Chuck Berry e Buddy Holly.

Embora sua fama tenha sido restrita aos países de língua francesa, ele vendeu cerca de 110 milhões de discos em 50 anos de carreira.

O presidente da França Emmanuel Macron, por meio de uma declaração, afirmou que o cantor "trouxe uma parte da América para o nosso panteão nacional".

Hallyday chegou a usar sua fama para apoiar líderes como Giscard d'Estaing e Jacques Chirac. O roqueiro, porém, deu um basta à política depois de se desiludir com o mandato de Nicolas Sarkozy, que ajudou a eleger em 2007.

POLÊMICAS

Em 2006, o cantor causou polêmica na França ao anunciar que iria se mudar para a Bélgica para fugir dos altos impostos locais. Dois anos antes ele precisou depor à Justiça após ser acusado de estupro. 


Publicidade


Colunistas
por Fernando Baumann
por Sonia Tetto
por Saint Clair Nickelle
por Augusto Cesar Diegoli
por Marcos Vinicios Pagelkopf
por Enéas Athanázio
Guia Legal BC

Banda se apresenta no dia 5 de janeiro


Geral

Consórcio pode ser o fato mais relevante desde que as duas cidades se separaram 53 anos atrás 


Publicidade